10 dicas para tirar as melhores fotos para as redes sociais

Melhores fotos para as redes sociais

Partilhar fotografias nas redes sociais é uma paixão que tem vindo a crescer entre os utilizadores das diversas redes e, como tal, aprender a tirar excelentes fotos tornou-se num ponto de honra para muitos cibernautas. Em seguida vamos aprender 10 dicas sobre como tirar as melhores fotos para as redes sociais.

1. Simplicidade

As melhores fotos para partilhar nas redes sociais são as mais simples e despretensiosas. O verdadeiro encanto das fotografias partilhadas não reside na sua perfeição técnica, nem na excelência dos temas escolhidos, mas sim na alegria e na felicidade que delas irradiam. Partilhar momentos felizes através de fotos é uma forma de socializar que dispensa rigores e etiquetas complicadas. Basta fotografar aquilo que nos deixa felizes e esperar que aqueles com quem partilhamos as fotos se sintam igualmente felizes por nós.

2. Originalidade

Existem milhares, se não milhões de fotografias sobre todos os temas possíveis nas redes sociais. Não existe mérito em juntar mais uma fotografia ao grande monte de outras fotos semelhantes, o interessante é ser capaz de captar aquilo que mais ninguém consegue ver. E por muito que a roda esteja já inventada, é sempre possível descobrir novas formas de ver a realidade de todos os dias com olhos de primeira vez. A originalidade é um dos trunfos nas redes sociais e partilhar fotografias invulgares é meio caminho andado para o sucesso virtual.

3. Técnicas de embelezamento da foto

Apesar de nas redes sociais as fotos se quererem simples, existe sempre a possibilidade de as valorizar através do recurso a alguns dos meios técnicos que hoje em dia estão ao alcance de qualquer dispositivo móvel. Empregar filtros de cor, usar um enquadramento apertado, molduras ou bordaduras, efeitos especiais, realces e relevos de luz e de sombras, melhorar a cor ou até transformar uma fotografia comum numa clássica preto-e-branco são estratégias infalíveis para se conseguirem fotografias personalizadas capazes de fazer furor nas redes sociais.

4. Aproveitar a luz

Não existe uma luz obrigatória para que as fotografias saiam perfeitas, mas saber jogar com a luz natural é uma mais-valia para qualquer fotógrafo que se preze. Ficar de costas para a luz, evitar fotografar reflexos ou superfícies espelhadas, utilizar o flash sempre que for caso disso, são alguns dos cuidados a observar na altura de tirar a foto. Os aparelhos mais modernos já trazem integrado o sistema de flash e estão equipados com a tecnologia necessária para regularem a intensidade luminosa da fotografia, mas ainda assim é preciso o olho atento do artista para que tudo saia o melhor possível.

5. Equipamentos comuns

Um facto curioso é que as fotografias de maior sucesso nas redes sociais são aquelas que são tiradas a partir de telemóveis. E isso é muito positivo para quem gosta de fotografar mas tem um orçamento reduzido para investir em equipamentos sofisticados. Nem sequer é necessário que seja um telemóvel de última geração, basta um daqueles mais comuns, com uma câmara de pelo menos 3 megapixéis para que as fotografias fiquem boas o suficiente para podem ser partilhadas.

6. Considerar utilizar o Instagram

Mesmo para os utilizadores de outras redes sociais, o recurso ao Instagram como plataforma de lançamento de fotografias é uma boa escolha. O Instagram é uma rede social temática onde o principal objetivo é a partilha de fotografias entre círculos de amigos. A partir do Instagram podem partilhar-se fotos para qualquer outro site, ou rede social à escolha do utilizador e ainda beneficiar de uma grande variedade de recursos de embelezamento e melhoramento das fotografias tiradas.

7. Manter o bom gosto

As fotos partilhadas nas redes sociais retratam muitas vezes episódios felizes da vida de cada um, e muitos dos momentos fotografados são de recreio, lazer e diversão. É pois natural que em situações menos formais se adotem comportamentos menos, mas não custa nada manter um pouco de bom gosto e de bom senso nas fotos partilhadas ainda que entre amigos. A arte de fotografar comida pode, de facto, ser engraçada, mas não é preciso exibir alimentos meio mastigados, pessoas a comer de boca aberta, pratos sujos, guardanapos engordurados, etc. Fotografias tiradas na praia são sempre um tema quase obrigatório nas redes sociais, mas é óbvio que ninguém vai estar interessado em ver as roupas amontoadas na toalha, os frascos de protetor solar que usamos, os chinelos espalhados pela areia… É recomendável uma certa dose de bom gosto para que as fotografias que se partilham não caiam no ridículo e no exagero.

8. Não precisam de existir ângulos ideais

O que melhor caracteriza as fotografias espontâneas é a própria espontaneidade com que são tiradas. Nas redes sociais vive-se do minuto que passa e para aproveitar cada minuto da vida não se pode perder tempo a medir distâncias, nem a calcular ângulos mais apropriados. A fotografia terá mais sucesso se for capaz de transmitir as emoções sentidas na hora e, como tal, vale qualquer posição e qualquer ângulo. Tentar enquadrar perfeitamente aquilo que se pretende realçar ao centro da câmara e só depois disparar implica uma perda de segundos preciosos nos quais o cenário à nossa volta pode mudar, principalmente quando se fotografa alvos em movimento. Rapidez e agilidade entre o ver e o fotografar são requisitos importantes para conseguir fotos perfeitas para colocar nas redes sociais.

9. Tirar o melhor partido das cores da natureza

Para os amantes de fotos de paisagens uma ajuda valiosa é saber escolher a altura do dia em que a luminosidade natural melhor se vai adaptar à fotografia. As cores da natureza em geral atingem maior plenitude nas primeiras ou nas últimas horas do dia, quando o sol está a nascer, ou imediatamente antes do ocaso. Aproveitar essas horas para tirar as fotografias de paisagens naturais é uma estratégia que resulta muito bem, e é sem dúvida um contributo para o êxito da foto depois de partilhada.

10. Respeito pela privacidade de cada um

Um dos piores erros que se pode cometer ao partilhar fotografias é comprometer, ainda que involuntariamente, uma ou mais pessoas através da exposição dos seus rostos numa rede social que possivelmente alcançará centenas, se não milhares de visualizações. Nunca esquecer que não se devem incluir pessoas na nossa fotografia sem obter a sua autorização expressa para tal. Fotografar multidões, pessoas na praia, pessoas num restaurante, etc, pode resultar numa enorme dor de cabeça para quem é fotografado e para quem fotografou também. De igual forma não se podem fotografar crianças, ou menores de idade sem consentimento dos respetivos responsáveis. A invasão de privacidade é um crime previsto na lei e não existe a mínima necessidade de provocar conflitos quando a ideia é apenas a diversão.

As melhores fotos para as redes sociais são aquelas onde se demonstra alegria, prazer e satisfação envolvendo os amigos na mesma sensação de energia e de vivacidade. Simplicidade e espontaneidade são os requisitos principais, sendo que também não se deve menosprezar o bom gosto e o bom senso. A partir daí tudo fica a cargo da imaginação de cada um e da sua criatividade e capacidade de improviso. Um conselho apenas: Não se viciar na partilha de fotos a tal ponto que se deixe de aproveitar o momento que passa em toda a sua plenitude. Fotografar é bom, viver é infinitamente melhor.

A sua votação: 
Average: 3.2 (5 votos)